Notícias

11.03.2024

Sem Censura - Sucessos do cinema italiano no pós-25 de Abril

A retrospectiva Sem Censura - Sucessos do Cinema Italiano no pós 25 de Abril pretende ser uma celebração da ligação entre Itália e Portugal no que diz respeito ao cinema, à liberdade, e à liberdade para ver e fazer qualquer tipo de cinema.
Sem Censura - Sucessos do Cinema Italiano no pós 25 de Abril estará presente a partir de 15 de Abril, no Cine-Teatro Turim e a partir de 18 de Abril no Cinema Fernando Lopes.

Bilhetes à venda!

A gloriosa exibição, em Lisboa, do Roma Città Aperta, o grande filme italiano sobre a libertação da Itália do Nazifascismo, foi considerado um dos primeiros sinais do abrandamento do controlo policial da censura em Portugal e, assim, da iminente queda do regime do Estado Novo.


Os efeitos dos respectivos "25 de Abril" na política e na sociedade de Itália e Portugal tiveram igualmente repercussões nas produções e na fruição cinematográfica de ambos os países.


Com o fim definitivo do lápis azul, os cinemas puderam finalmente abrir portas e ecrãs a todo o tipo de filmes. A partir de 1975 o cinema italiano com a sua variedade de géneros, do erótico ao terror, da comédia ao policial, produziu êxitos de bilheteira estrondosos por todo o país, deixando uma marca na memória de uma geração.


Logo a seguir à revolução estrearam em Portugal 101 filmes italianos, colocando pela primeira e única vez as produções cinematográficas dos Estados Unidos em segundo lugar no ranking, com 76 filmes.


Este namoro entre Portugal e o cinema Italiano prolongou-se até 1985, ano em que as produções francesas voltaram a ocupar o primeiro lugar entre as cinematografias europeias.


A retrospetiva Sem Censura - Sucessos do Cinema Italiano no pós 25 de Abril pretende ser uma celebração da ligação entre Itália e Portugal no que diz respeito ao cinema, à liberdade, e à liberdade para ver e fazer qualquer tipo de cinema.
Sem Censura - Sucessos do Cinema Italiano no pós 25 de Abril estará presente a partir de 15 de Abril, no Cine-Teatro Turim e a partir de 18 de Abril no Cinema Fernando Lopes.


Feios, Porcos e Maus de Ettore Scola, 1976
Que Viva a Revolução! de Paolo e Vittorio Taviani, 1974 
Profondo Rosso de Dario Argento, 1975
Salon Kitty, O Bordel dos Nazis de Tinto Brass, 1975
Malícia de Salvatore Samperi, 1973


______________________________


Bilheteira online

Sessões no Cine-Teatro Turim, aqui

Sessões no Cinema Fernando Lopes, aqui